PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Prove que você é você: como conseguir um selo de verificado no Tinder

Felipe Germano

02/07/2020 04h00

Montagem / Tinder e Canvas

Instagram, Facebook, Tik Tok, qualquer que seja a rede social, há sempre um item cobiçadíssimo entre os usuários mais assíduos. Um pequeno amontoado de pixels azuis, localizados ali, logo do lado do nome do usuário. É o selo de verificação.

Com o objetivo de simplesmente validar que aquele perfil corresponde, de fato, à pessoa da foto o selinho de verificado se tornou uma espécie de validação da importância.

A redes tendem a não dedicar tempo, dinheiro e tecnologia para verificar todos seus usuários. Preferiram focar nas celebridades (que têm poder para processar até mesmo as gigantes de tec, caso terceiros se passem por elas). Afinal, ninguém liga se é, de fato, o fulaninho que está postando memes para seus amigos, certo? Bom, depende.

Em redes sociais de encontros, como o Tinder, a certeza de que a identidade daquela pessoa é real é absolutamente crucial. Sem ela, você pode se expor a riscos offline – encontrando completos desconhecidos na rua – ou online – com fotos calientes sendo vazadas por anônimos.

O Tinder, então, resolveu utilizar os selinhos verificados para diminuir esses riscos. Com uma bela ajuda de algoritmos para facilitar o processo todo.

Quer ganhar o selinho? É só segui o passo a passo:

Como ganhar seu selo de verificação:

1- Abra o Tinder e toque no ícone do seu perfil

2- Ao lado do seu nome, o símbolo de verificação aparecerá em cinza claro, toque nele.

3- O aviso abaixo aparecerá, clique "Seguinte"

4- Outro aviso será exibido, você pode vê-lo abaixo.

Este é mais interessante, explica como o processo funcionará: diferentemente da maioria das outras redes, o processo de verificação é baseado em algoritmos; não humanos. Inteligência artificial compara as fotos de seu perfil com imagens tiradas na hora pela câmera do seu aparelho. Isso poupa dinheiro, possibilitando que a ferramenta não se limite às celebridades.

Toque em "Verificar".

Divulgação

5- Um modelo aparecerá fazendo uma pose muito específica. Imite-o e tire uma foto.

Divulgação / Tinder

Caso a pose não fique parecida, tire-a novamente.

6- Outra foto aparecerá, siga o mestre e imite a pose novamente.

Sua foto irá para uma análise do sistema. Automaticamente um reloginho verde aparecerá no local onde o selinho de verificado pipocará. Após algumas horas, ele será substituído pelo selo definitivo.

Fácil assim.

Já dá para tirar uma onda falando que tem um selinho no Tinder e, mais importante ainda, dá para saber que a pessoa com quem você está conversando é real. Finalmente, um match de verdade.

Sobre o Autor

Felipe Germano é jornalista que escreve sobre Comportamento Humano, Saúde, Tecnologia e Cultura Pop. Para encontrar as boas histórias que procura contar, atravessa o planeta: visitou de clubes de swing e banheiros do sexo paulistanos à sets de cinema hollywoodianos. Trabalhou nas redações da rádio Jovem Pan, site Elástica, Revista Época e Revista Superinteressante - e agora colabora com o UOL.

Sobre o Blog

Sexo é o que há de mais antigo nesse planeta, e tecnologia nos traz o que há de mais moderno. Mesmo sem saber quem foi nosso antepassado mais antigo, dá para cravar: ele transava. Mas se engana quem acha que o sexo não mudou nada desde a primeira vez. A tecnologia evoluiu, e com ela nossos hábitos na cama (ou no chão, ou no celular...). Mas dá para juntar tudo, e divertir-se. Muito prazer, esse é o Sexting.